Cidadão do Povo
Mauricio Dias

Começa a ser depositado nesta quinta-feira (27) o abono salarial PIS-Pasep 2017-2018. No caso do PIS, o pagamento será para trabalhadores da iniciativa privada nascidos em julho, e no do Pasep é para servidores públicos com final da inscrição 0.

De acordo com o calendário, quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o PIS ainda no ano de 2017. Já os nascidos entre janeiro e junho receberão no primeiro trimestre de 2018. Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 29 de junho de 2018, prazo final para o recebimento.

O valor do abono varia de R$ 79 a R$ 937, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou formalmente em 2016. Trabalhadores da iniciativa privada retiram o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil. É preciso apresentar um documento de identificação e o número do PIS/Pasep. Foto: Divulgação

O sorteio 1.952 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 90 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quarta (26), em Rio Branco (AC).

De acordo com a Caixa Econômica Federal, com o valor integral do prêmio, o ganhador poderá comprar 600 carros de luxo. Se quiser investir na poupança, receberá mensalmente R$ 500 mil em rendimentos.

A bandeira tarifária, mecanismo que cobra valor adicional nas contas de luz para sinalizar ao consumidor a necessidade de acionamento de usinas mais caras, pode voltar ao primeiro patamar da cor vermelha em agosto, após dois meses. Esse patamar gera um acréscimo na tarifa de R$ 3,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. A possibilidade de acionamento do primeiro patamar da bandeira vermelha se deve à ausência de chuvas no mês de julho, fato que influencia as previsões para a primeira semana de agosto, período de referência para a definição da bandeira tarifária.

Especialistas e empresas do setor consultados consideram a possibilidade de o preço de liquidação de diferenças (PLD) - preço de energia no mercado de curto prazo - para a primeira semana de agosto, superar o valor de R$ 422 por megawatt-hora (MWh), que configura o primeiro patamar da bandeira vermelha. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciará na sexta-feira a cor da bandeira de agosto. Fonte: Valor Econômico

O prêmio da Mega-Sena acumulou pela décima vez consecutiva após nenhum apostador cravar todas as seis dezenas sorteadas no concurso deste sábado (22). Com isso, a Caixa promete pagar nada menos do que R$ 90 milhões para quem acertar sozinho os seis números revelados na próxima quarta-feira (26).

Os números sorteados nesta noite pelo concurso de número 1.951 da loteria, realizado no caminhão da sorte estacionado no município de Atibaia (SP), foram: 14 — 16 — 19 — 21 — 33 — 55.

Apesar de nenhum apostador ter faturado o prêmio principal, 209 pessoas acertaram a quina e têm o direito de receber R$ 26.220,25 cada. Outros 13.551 apostadores cravaram quatro dos números sorteados e podem sacar R$ 577,71 cada.

A Mega-Sena acumulou de novo e promete sortear a bolada de R$ 78 milhões no concurso 1.951 deste sábado (22), de acordo com estimativa da Caixa Econômica Federal. No último sorteio, não houve nenhum apostador que acertou os seis números do bilhete. Houve 88 apostas ganhadoras da quina, faturando R$ 52.163,05 cada. Além disso, outras 7.215 acertaram quatro números e levaram para casa R$ 908,88. Confira os números sorteados na última edição do concurso (1.950), realizada na quarta-feira (19): 10 — 21 — 32 — 34 — 48 — 57.

Donos de postos de combustíveis preparam um protesto em todo o país contra o anúncio, pelo governo, do aumento da alíquota do PIS e Cofins que incide sobre a gasolina. O imposto mais que dobrou, passando de R$ 0,38 para R$ 0,79 por litro. Se a alta de impostos for repassada na íntegra para o consumidor, o litro da gasolina deverá ficar R$ 0,41 mais caro no país.

Para protestar contra a medida do governo, os donos dos postos vão colocar faixas pretas nas bombas de gasolina para caracterizar o "luto" pela decisão. A data do protesto ainda não foi definida, mas o objetivo é fazer o mais rápido possível, em todo o país.

A estratégia foi acertada durante encontro, em Vitória (ES), dos presidentes dos Sindipostos estaduais. Os revendedores de combustíveis não querem sair como os "vilões" do aumento do preço da gasolina. *Blog do Camarotti - Portal G1

Desde o início do dia centenas de pessoas de várias idades fizeram longas filas para adquirir  maconha para uso recreativo nas farmácias do Uruguai, que deu início à venda do produto nesta quarta-feira (19).

Nem mesmo o clima invernal deteve os consumidores, que aguardavam por este dia desde que o governo uruguaio aprovou a lei que legalizou a produção e venda da maconha com fins recreativos. Em uma das farmácias situadas no centro de Montevidéu, a fila ocupava metade do quarteirão, com espera de aproximadamente uma hora para o atendimento.

Apesar da demora e do frio, a cada vez que uma pessoa saía do local com o seu pacote de cinco gramas de Cannabis, máximo permitido, as outras se alegravam e as cumprimentavam. A alegria não estava somente entre os quem faziam a fila, já que muitos dos carros que passavam pelo local buzinavam para os compradores da maconha.

Pioneirismo

O uruguai se tornou nesta quarta-feira o primeiro país do mundo a vender maconha para fins recreativos em farmácias. Após a aprovação de lei, em 2013, o governo do país será responsável pelo controle de produção, compra e venda da substância.

O prêmio da Mega-Sena segue acumulado após nenhum apostados do País acertar as seis dezenas sorteadas pela loteria nesta quarta-feira (19). Como isso, a loteria promete pagar nada menos do que R$ 78 milhões no próximo sábado (22).

Os números sorteados na noite de ontem pelo concurso de número 1.950 da loteria, realizado no caminhão da sorte estacionado no município de Atibaia (SP), foram: 10 — 21 — 32 — 34 — 48 —57.

Apesar de nenhum apostador ter faturado o prêmio principal, 88 pessoas acertaram a quina e têm o direito de receber R$ 52.163,05 cada. Outros 7.215 apostadores cravaram quatro dos números sorteados e podem sacar R$ 908,88 cada.

O governo decidiu que será necessário aumentar o PIS/Cofins incidente sobre combustíveis para garantir o cumprimento da meta fiscal deste ano, de déficit de R$ 139 bilhões. O governo ainda avalia a possibilidade de elevar outro tributo para fechar as contas, já que o governo tem um buraco de aproximadamente R$ 10 bilhões para cobrir no Orçamento de 2017.

A equipe econômica analisa três alternativas: IOF sobre operações de câmbio à vista, ou IOF sobre operações de crédito, ou Cide-combustível. Segundo explicou uma fonte do governo, essa alternativa de elevar outro tributo talvez seja necessária porque há limitação para elevar a alíquota do PIS/Cofins. Dessa forma, seria um complemento para cobrir a necessidade de aumentar a arrecadação até o final do ano. Foto: Reprodução

O sorteio 1.950 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 68 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre hoje, quarta-feira (19), às 20h (horário de Brasília), em Atibaia (SP). As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

A chegada de uma forte massa de ar polar vinda da Argentina deve trazer uma onda de frio ao Brasil a partir desta segunda-feira (17). As quedas mais intensas nos termômetros estão previstas para os estados da região Sul do país, com possibilidade de registro de temperaturas negativas, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Conforme as previsões, esse ar frio vai se deslocar pelo país durante os próximos dias, derrubando ainda mais as temperaturas.

De acordo com a Climatempo, o frio intenso começou no domingo (16) sobre o centro-norte e leste da Argentina e no Uruguai, avançando depois sobre o Paraguai e a Bolívia até chegar ao Brasil. Esta massa de ar polar poderá ser a mais forte a agir sobre a América do Sul neste ano. Até agora, a menor temperatura registrada no Brasil em 2017 foi de -5,7ºC em Bom Jardim da Serra, em Santa Catarina, no dia 26 de junho. Foto: Reprodução

A Caixa Econômica Federal reabriu um programa de demissão voluntária extraordinário (PDVE) e espera que a adesão alcance 5.480 empregados, apurou o ‘Estadão/Broadcast’. Na iniciativa anterior, encerrada em março último, o banco teve a adesão de 4.645 funcionários em um contingente de 30 mil pessoas elegíveis. A expectativa da Caixa, em seu PDV anterior, era alcançar 10 mil empregados. Como não chegou ao número, o banco optou por reabrir o programa. Ao final de março, a Caixa contava com 101.505 funcionários, considerando estagiários e aprendizes. Somente empregados diretos do banco eram 91.128.

Desta vez, o período de adesão ao programa de demissão voluntária começa nesta segunda-feira e vai até o dia 14 de agosto. Com isso, o desligamento dos funcionários que aderirem ao PDV deve ocorrer de 24 de julho a 25 de agosto, conforme informações de documento enviado aos gestores do banco e obtido pelo Estadão/Broadcast. "O PDVE tem por objetivo dar suporte financeiro aos empregados que queiram se desligar voluntariamente da empresa e que se enquadrem nas regras", explica a Caixa, na carta.

A Caixa Econômica Federal sorteou na noite deste sábado (15) as seis dezenas do concurso 1.949 da Mega-Sena. Pela oitava vez seguida, ninguém acertou os seis números e o prêmio maior acumulou novamente. Na próxima quarta-feira (19), a Mega sorteia prêmio estimado em R$ 68 milhões.

O Caminhão da Sorte estava em Ipameri (Goiás) neste sábado. As seis dezenas sorteadas foram: 01 – 06 – 14 – 22 – 30 – 56. Ninguém acertou os seis números, mas 130 apostas fizeram a quina e faturaram R$ 29.304,32 cada. Outras 8.455 apostas acertaram quatro números e levaram para casa R$ 643,67.

O avanço da tecnologia de robótica e inteligência artificial pode levar a uma redução nas vagas de trabalho. Mas o que é mais perigoso nesse cenário é o impacto que essa tecnologia pode ter na mobilidade social. Um novo relatório da Sutton Trust, associação de caridade do Reino Unido, explica o perigo de que a próxima onda de automação gere uma crescente desigualdade entre sociedades, dividindo realmente o mundo entre pobres e ricos.

As informações, publicadas pelo The Verge, dão conta de que os ricos serão capazes de se reciclarem para os novos trabalhos que o mercado demandará. Além disso, é importante ter habilidades como comunicação e confiança, o que pode facilitar a vida de quem já tem uma boa condição de vida. Já a redução dos trabalhos mais simples também pode afetar a indústria de empregos.

Por exemplo, a redução de empregos em áreas adminstrativas é eminente, já que a automação pode tomar esse lugar. O gerente de pesquisas da Sutton Trust, Carl Cllinane disse ao The Verge que indivíduos que não tiverem a oportunidade de frequentar uma universidade terão problemas. Tradicionalmente, alguns trabalhos tem sido veículos de mobilidade social. No entanto, como esses empregos não precisam de habilidades avançadas, eles são mais vulneráveis contra a automação.

Além do fim de empregos administrativos, outros atributos podem se tornar necessários no ambiente de trabalho. Essas qualidades, chamadas de "habilidades leves", são: confiança, motivação, comunicação e resiliência. De acordo com Cullinane, as escolas privadas se preocupam mais em desenvolver esse tipo de mentalidade nos alunos. E isso vai se tornar preponderante no mercado do futuro. *Portal Rede Record

O prêmio da Mega-Sena segue acumulado após nenhum apostados do País acertar as seis dezenas sorteadas pela loteria nesta quarta-feira (12). Com isso, a loteria promete pagar a bolada de R$ 45 milhões no próximo sábado (15).

Os números sorteados ontem a noite pelo concurso de número 1.948 da loteria, realizado no caminhão da sorte estacionado no município de Ipameri (GO), foram: 12 — 20 — 24 — 28 — 33 — 57.

Apesar de nenhum apostador ter faturado o prêmio principal, 100 pessoas acertaram a quina e têm o direito de receber R$ 31.746,05 cada. Outros 7.199 apostadores cravaram quatro dos números sorteados e podem sacar R$ 629,96 cada.

Um iceberg de cerca de 5,8 mil quilômetros quadrados, um dos maiores da história, se desprendeu do segmento Larsen C (um das três da Plataforma de gelo Larsen) da Antártica, informaram nesta quarta-feira os cientistas do projeto “Midas” que vigiaram sua evolução.

Em um comunicado, os especialistas em estudos antárticos da universidade galesa de Swansea indicaram que o desprendimento ocorreu entre 10 e 12 de julho, quando o iceberg se separou do segmento Larsen C do continente branco.



O iceberg, que espera que seja denominado A68, pesa mais de um trilhão de toneladas, segundo Midas, que precisou que a ruptura foi detectada pelo instrumento de satélite Aqua MODIS da NASA. O desprendimento reduziu em cerca de 12% o tamanho de Larsen C e os cientistas advertem que este fenômeno transformará para sempre a paisagem da península antártica.

“Estivemos esperando este fato durante meses e nos surpreendeu o longo tempo que a fenda demorou para romper os últimos quilômetros de gelo”, explicou hoje Adrian Luckman, do Projeto “Midas”. O especialista apontou que “seguirão vigiando” o impacto que esta fratura terá sobre a placa de gelo Larsen C e a evolução deste “enorme iceberg”. Fotos: NASA

A Mega-Sena promete sortear bolada de R$ 36 milhões no concurso 1.948 desta quarta-feira (12), de acordo com estimativa da Caixa Econômica Federal. No último sorteio, não houve nenhum apostador que acertou os seis números do bilhete.

Houve 63 apostas ganhadoras da quina, faturando R$ 41.438,63 cada. Além disso, outras 4.250 acertaram quatro números e levaram para casa R$ 877,52. Os números sorteados na última edição do concurso (1.947), realizada no sábado (8) foram: 08 — 33 — 40 — 52 — 55 — 59.

Indenizações no total de R$ 72,8 milhões por danos ambientais causados por atividades ilegais de extração e beneficiamento de mármore “Bege Bahia” foram pedidas à Justiça pelo Ministério Público estadual em uma série de 16 ações civis públicas ajuizadas, nos últimos 20 dias, contra o Município de Ourolândia, 32 empresários e o Instituto do Meio Ambiente e Recurso Hídricos (Inema). Segundo o promotor de Justiça Pablo Almeida, as atividades eram desenvolvidas por meio de licenças ambientais ilegais, sem licenciamento ou em desacordo com as obtidas. Foram pedidas também a anulação das licenças concedidas pelo Município e pelo Inema e a paralisação das atividades.

Pelas ilegalidades, a ex-prefeita Yhonara Rocha de Almeida Freire; o ex-secretário municipal de Meio Ambiente, Múcio Ancelmo Oliveira de Azevedo; e a ex-técnica ambiental do Município Bernadeth Sousa Rocha Simões foram denunciados por crime ambiental, na concessão de licenças ilegais, e pelo crime de prevaricação. Se condenados, a pena máxima pode chegar a 16 anos de prisão para cada um, informou Pablo Almeida. Também foram denunciados, criminalmente, nove empresários e cinco empresas por apresentarem, no licenciamento, estudos, laudos e relatórios ambientais falsos e enganosos. A pena para eles pode alcançar até seis anos de prisão. As empresas denunciadas são a Polibege Mármores, RM Mármore e Granito, JN Mármore, Fladmar e a Bege Gran. Os empresários denunciados são: Antônio Neto Alecrim Freire, Noberto Marques Rodrigues, Miriam Feitosa Alexandrino, João Ricardo de Jesus Brito, Cristiane de Jesus Brito, Nilton Mesquita Góis Júnior, Emerson Megia Iglesias Simal, Guidacy Ribeiro Piovezan e Marco Luiz Ribeiro Piovezan.



Segundo o promotor Pablo Almeida, “as investigações demonstraram que os licenciamentos ambientais em trâmite no Município de Ourolândia não obedeciam aos trâmites legais, já que as empresas e empresários apresentavam estudos falsos, incompletos e com dados equivocados, e os agentes públicos, mesmo assim, cientes dos equívocos e falsidades, em conluio com a iniciativa privada, concediam licenças ambientais, em prejuízo ao meio ambiente”. Ele informou que a situação do licenciamento de empresas de extração e beneficiamento de mármore em Ourolândia vem sendo acompanhada pelo MP, desde 2010, por meio do programa de Fiscalização Preventiva Integrada (FPI). “O MP sempre buscou fomentar a regularização dos empreendimentos, como forma de implementar o princípio do desenvolvimento sustentável. Entretanto, muitos anos depois das primeiras fiscalizações, o setor privado, com a conivência do Poder Público, continua desenvolvendo suas atividades de maneira predatória”, afirmou o promotor.

Pablo Almeida destacou que a atividade de extração e beneficiamento do mármore, realizada de forma predatória, prejudica os recursos hídricos da Bacia do Salitre, bem como o relevante conjunto de cavernas da cidade, com volume significativo de fósseis e pinturas rupestres. “Segundo o Inema, por exemplo, o complexo de cavernas denominado 'toca dos ossos' é considerado o mais fossilífero do Brasil. Um dos fósseis de preguiça gigante encontrado em Ourolândia se encontra exposto no Museu Nacional do Rio de Janeiro”, pontuou.

Um empresário que mora no Centro de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, adquiriu uma pedra rara gigante extraída no norte da Bahia. A canga de esmeraldas, conjunto de pedras brutas unidas, chama a atenção por possuir 60 cm de altura e pesa 137 kg. O minério agora pertence ao pernambucano e a um outro investidor de Curaçá, na Bahia. A pedra foi avaliada em aproximadamente R$500 milhões.

A pedra foi encontrada na Mina Caraíba, em Pindobaçu. Na região, essa é a terceira pedra desse porte. A segunda esmeralda foi localizada com 360 Kg, conhecida como “Esmeralda Bahia”, avaliada em 300 milhões de dólares. Enquanto que a primeira tinha 380 kg e foi avaliada em cerca de R$ 1 bilhão.

Ao portal G1, o empresário de Petrolina e um dos donos da esmeralda, que preferiu não se identificar, explicou que atua no setor de mineração e disponibiliza patrocínio financeiro aos mineradores e garimpeiros da região. Por esse motivo, ele teve preferência na aquisição do minério.

O empresário disse ainda que adquiriu a peça devido a sua raridade e o destino da esmeralda gigante será, a princípio, a comercialização no mercado externo. “ A esmeralda chama à atenção por se tratar de uma peça rara, uma das únicas do mundo com peso e tamanho semelhantes. Ela é uma verdadeira obra de arte esculpida pela natureza e com certeza será desejada por colecionadores, museus e universidades”, relatou.

Segundo o advogado dos donos do minério, José Cícero de Melo, já foram providenciados o certificado de origem e a nota fiscal de compra, assim como todos os trâmites junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) e o Fisco, processo para demonstrar a regularidade e legalidade das transações. G1 - Foto: advogado José Cícero/ Arquivo pessoal

A partir de segunda-feira (10), boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) começará a adotar, de forma escalonada, uma plataforma de cobrança que permite a quitação de boletos em atraso em qualquer agência bancária. Por enquanto, a novidade só estará disponível para os boletos de valor igual ou superior a R$ 50 mil. O valor mínimo será reduzido para R$ 2 mil em 11 de setembro, R$ 500 em 9 de outubro e R$ 200 em 13 de novembro. A partir de 11 de dezembro, boletos vencidos de todos os valores passarão a ser aceitos em qualquer banco.

A nova plataforma de cobrança permitirá a identificação do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) do pagador, o que facilitará o rastreamento de pagamentos. Ao quitar o boleto, o próprio sistema verificará as informações. Se os dados do boleto coincidirem com os da plataforma, a operação é validada. Caso haja divergência nas informações, o pagamento só poderá ser feito no banco de origem da operação. Conforme as datas de adoção da nova plataforma e as faixas de valores, os bancos deixarão de aceitar boletos sem o CPF ou o CNPJ do pagador. Os clientes sem esses dados serão contatados pelos bancos para refazerem os boletos. *Informações do jornal de Brasília - Foto: Ilustração/Reprodução

Cafe beira rio
Abreu