Cidadão do Povo
Mauricio Dias

A Petrobras anunciou, nesta segunda (3), o primeiro reajuste de preços da gasolina e do diesel sob a nova política anunciada na sexta (30). Três dias após cortes de 5,9% e 4,8%, agora os preços vão subir 1,8% e 2,7%.

Os novos valores passam a vigorar nesta terça (4). A política de preços anunciada na sexta autoriza a realização de ajustes diários, com o objetivo de reduzir as oportunidades de importação de combustíveis por terceiros, que vêm roubando mercado da produção das refinarias da estatal.

Na nova política, não estão previstos comunicados ao mercado para divulgar cada reajuste. A estatal, portanto, não justificou a mudança repentina nos preços. Os ajustes agora são definidos pela gerência de marketing e comercialização de combustíveis, desde que a variação acumulada no mês não seja superior a 7%, para cima ou para baixo.

Antes, um grupo formado pelo presidente da estatal, Pedro Parente, e pelos diretores Financeiro, Ivan Monteiro, e de Refino e Gás, Jorge Celestino, definia os preços, que variavam, em média, uma vez por mês. Foto: Reprodução

Os trabalhadores cadastrados como MEI (microempresário individual) podem aderir ao programa de parcelamento de débitos da Receita Federal. O pedido de parcelamento pode ser feito de hoje até o dia 2 de outubro. De acordo com a Receita Federal, as dívidas vencidas até maio de 2016 podem ser parceladas em até 120 meses. A prestação deve ter o valor mínimo de 50 reais.

Segundo a Receita, o país conta com 7,119 milhões de MEIs. Desse total, 2.020 milhões possuem dívidas tributárias que somam 1,7 bilhão de reais. Para parcelar seu débito, o MEI precisará terá apresentado a declaração anual simplificada. Também é necessário que MEI desista de ações administrativas ou judiciais que questionem a cobrança de débitos fiscais se quiser aderir ao parcelamento.

Segundo a Receita, o pedido de parcelamento será considerado automaticamente deferido depois de decorridos 90 noventa dias da data de sua solicitação. O MEI que aderir ao parcelamento não pode ficar inadimplente. A falta de pagamento de três parcelas, consecutivas ou não, levará à rescisão do parcelamento. Foto: Reprodução

A Caixa Econômica Federal vai antecipar o calendário de pagamento das contas inativas do FGTS para quem faz aniversário em dezembro. Previsto inicialmente para começar no dia 14 de julho, a Caixa informou hoje (3) que os pagamentos da última fase terão início no próximo sábado (8).

Mais de 2,5 milhões de brasileiros têm direito ao saque a partir do mês de julho. O valor total disponível para saque neste mês ultrapassa R$ 3,5 bilhões e equivale a aproximadamente 8% do total de recursos disponíveis no programa.

Independentemente das datas, as pessoas que fizeram aniversário nos meses anteriores ainda podem sacar os valores ou transferi-los para suas contas-correntes. O prazo de saque das contas inativas do FGTS encerra dia 31 de julho e não deve ser prorrogado, segundo a Caixa.

Até o dia 28 de junho, o banco registrou o pagamento de mais de R$ 38,2 bilhões relativos às contas inativas do FGTS. O valor equivale a 95,38% do total previsto, de R$ 40 bilhões. Mais de 22,6 milhões de trabalhadores nascidos até novembro já sacaram o benefício, aproximadamente 81% dos 27,7 milhões de empregados nascidos entre janeiro e novembro, beneficiados pela Medida Provisória 763/16.

Horário especial nas agências

Assim como ocorreu nas fases anteriores, mais de 2 mil agências da Caixa estarão abertas das 9h às 15h no sábado, exclusivamente para o pagamento das contas inativas e esclarecimento de dúvidas sobre o tema. Outras 69 agências terão plantão para auxiliar no autoatendimento. A relação das agências está disponível no site da Caixa.

Além disso, está prevista a abertura antecipada em duas horas de todas as agências no dia 10 de julho. Nas regiões em que os bancos abrem às 9h, as agências da CAIXA atenderão ao público  a partir das 8h e terão o horário prorrogado em uma hora.

O agricultor brasileiro poderá contar, a partir de hoje (3), com recursos para financiar a próxima safra agrícola. São R$ 190,25 bilhões destinados pelo governo federal a operações de custeio, comercialização e investimento, por meio do Plano Agrícola e Pecuário (Plano Safra) 2017/2018.

O Plano Safra é lançado pelo governo federal no início do ano agrícola, em 1º de julho. Para ajudar os agricultores a custear a safra, é disponibilizado crédito em linhas com recursos obrigatórios, livres e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O produtor interessado deve verificar se seu banco oferta linhas de crédito do plano.

O Plano Safra 2017/2018 reduziu em 1 ponto percentual ao ano as taxas de juros das linhas de custeio e de investimento e de 2 pontos percentuais ao ano, as dos programas voltados à armazenagem e à inovação tecnológica na agricultura.

No crédito de custeio e de investimento, os juros caíram de 8,5% ao ano e 9,5% ao ano para 7,5% e 8,5%, à exceção do Programa de Construção de Armazéns (PCA) e do Programa de Incentivo à Inovação Tecnológica na Produção Agropecuária (Inovagro), nos quais a taxa será 6,5% ao ano.

O volume de crédito para custeio e comercialização é de R$ 150,25 bilhões, sendo R$ 116,25 bilhões com juros controlados e R$ 34 bilhões com juros livres. O montante para investimento é de R$ 38,15 bilhões, com aumento de 12% em relação à safra anterior. Agência Brasil - Foto: Reprodução

Começam nesta segunda-feira, 3, as inscrições para o processo seletivo 2018 do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (Ifba). Ao total, serão ofertadas 5.185 vagas para cursos técnicos, distribuídas entre os 19 campi do instituto.

Destas vagas, 50% serão destinadas a estudantes que cursaram o ensino fundamental ou médio em escolas públicas. As inscrições encerram dia 17 de agosto e podem ser feitas pela internet, por meio da página da seleção. Para se inscrever, o candidato deve preencher os dados solicitados e gerar o boleto para pagamento da taxa no valor de R$ 35.

Taxa de Isenção

Para os cursos subsequentes, a solicitação parcial da taxa pode ser até o dia 3 de agosto. Apenas alunos que tenham cursado as séries do ensino médio em escola pública poderão fazer a solicitação.

Já para os cursos integrados é necessário ter estudado os últimos 5 anos em escola pública. Os candidatos contemplados com a isenção parcial pagarão o valor de R$ 3,50, referente a 10% da taxa de inscrição.

Provas

As provas acontecerão no dia 22 de outubro, das 8h às 12h30. Para a forma integrada, a prova será composta por uma redação e questões de língua portuguesa, matemática, história e geografia. Já para a subsequente, os candidatos serão avaliados com provas de língua portuguesa, matemática, história, geografia, física, química, biologia, inglês ou espanhol.

Informações

Os candidatos poderão adquirir mais informações mandando e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., pelos  telefones (71) 2102-0474 e (71) 2102-0470, pelo  edital ou na página do processo seletivo 2018.

Ninguém acertou as dezenas do sorteio 1.944 da Mega-Sena, realizado às 20h (horário de Brasília) deste sábado (1º) em Cachoeira, na Bahia. Confira as dezenas sorteadas: 08 – 09 – 39 – 47 – 57 – 59.

A expectativa do prêmio acumulado para o próximo sorteio, quarta-feira (5), é de R$ 23 milhões. A quina teve 41 acertadores, e cada um levou R$ 46.673,04. Outras 2.879 apostas ganharam a quadra, com R$ 949,53 para cada um.

Com a frustração de receitas e a dificuldade de cumprir a meta fiscal deste ano, o governo suspendeu o reajuste do Bolsa Família acima da inflação previsto para entrar em vigor em julho. O Ministério do Desenvolvimento Social, responsável pelo pagamento do benefício, informou que o Bolsa Família não será reajustado neste momento.

Originalmente, a ideia era dar aumento de 4,6% no benefício, acima da inflação oficial acumulada em 3,6% nos últimos 12 meses. Segundo apurou a reportagem, além da escassez de recursos, uma ala do governo considerou que a crise política "esconderia" o anúncio do aumento. A média do Bolsa Família é de R$ 182 por família.

Em maio, o ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, disse ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, que o reajuste sairia em julho, dentro de um grande pacote de bondades do governo Temer. "Vai ter reajuste em julho acima da inflação. É uma decisão. Tem que ver quanto vai ser a inflação em 12 meses para a gente poder fixar o valor", disse. Na época, o ministro informou que o programa contava com orçamento de R$ 30 bilhões e que a cifra já previa o dinheiro para bancar o reajuste.

A área econômica, no entanto, dissuadiu o presidente a reajustar o benefício em meio às discussões de medidas para conter os gastos e aumentar as receitas, inclusive com a possibilidade cada vez maior de aumento de impostos para cumprir a meta de déficit de R$ 139 bilhões. Foto: Reprodução

O garimpo de ametistas em Sento Sé, no Vale do São Francisco, foi parcialmente interditado. A decisão é do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) que tomou a medida após encontrar irregularidades na atuação dos garimpeiros que estão na jazida localizada na Serra da Quixaba. Conforme o superintendente do DNPM na Bahia, Raimundo Sobreira, a intenção é evitar acidentes, com risco até de mortes para quem está no local.

Ao site G1, Sobreira informou que a decisão ocorreu após a segunda visita do órgão à jazida, entre os dias 19 e 22 de junho. Na inspeção, o órgão autuou onze buracos, também chamados de cortes, feitos na terra pelos garimpeiros e onde eles entram para colher as ametistas. Ainda segundo o DNPM, caso as irregularidades não sejam corrigidas, o órgão estuda a evacuação da mina. Milhares de pessoas já se deslocaram para a jazida de ametista de Sento Sé desde que o local foi descoberto em maio passado. No local, as pedras são vendidas por preços que variam de R$ 500 a R$ 3 mil. Foto: Reprodução/Youtube

O desemprego ficou em 13,3% em maio, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (30) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua. No mês passado, o Brasil tinha 13,8 milhões de desempregados.

Trata-se de uma redução em relação à taxa de abril, que foi de 13,6%. Mas, na comparação com o mesmo período do ano anterior, quando o índice foi de 11,2%, o quadro foi de elevação (2,1 pontos percentuais). Segundo o instituto, é a segunda queda seguida da taxa desde 2014, mas a maior taxa para maio da série histórica, iniciada em 2012.

A taxa de desemprego é medida pelo IBGE por meio de uma média móvel trimestral, ou seja, de três meses, portanto, o dado de maio se refere ao período de março a maio. O instituto divulga a taxa mensalmente. Foto: Reprodução

O prêmio da Mega-Sena acumulou mais uma vez após o sorteio realizado na noite desta quarta-feira (28). Com isso, o valor do prêmio segue acumulado e a Caixa promete pagar nada menos do que R$ 8 milhões para quem conseguir cravar as seis dezenas no próximo sábado (1º).

Os números sorteados na noite de ontem pelo concurso de número 1.943 da loteria, realizado no caminhão da sorte estacionado no município de Cachoeira (BA), foram: 09 — 11 — 12 — 30 —39 — 43.

Apesar de nenhum apostador ter faturado o prêmio principal, 23 pessoas acertaram a quina e têm o direito de receber R$ 66.077,13 cada. Outros 2.870 apostadores cravaram quatro dos números sorteados e podem sacar R$ 756,48 cada.

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) aprovou nesta quarta-feira (28) a prorrogação do prazo final de pagamento do abono salarial (PIS) para o dia 29 de dezembro. O calendário, referente ao exercício de 2016, que começou em julho do ano passado, estava previsto para terminar amanhã. Mais de 1,6 milhão de trabalhadores não compareceram às agências da Caixa Econômica Federal para sacar os recursos que somam R$ 1,2 bilhão.

O benefício varia de R$ 78 a R$ 937 de acordo com o tempo que o beneficiado trabalhou no ano base e pode ser sacado em uma das agências da Caixa e do Banco do Brasil. Podem receber o benefício pessoas que trabalharam com carteira assinada por ao menos um mês em 2015 e tenham ganhado, em média, até dois salários mínimos. Para ter acesso, é necessário que os trabalhadores estejam inscritos no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há, pelo menos, cinco anos. Foto: Divulgação

A Mega-Sena promete sortear bolada de R$ 6 milhões nesta quarta-feira (28). O valor é uma estimativa da Caixa Econômica Federal. Não houve nenhum apostador que acertou os seis números do bilhete. Houve 56 apostas ganhadoras da quina, faturando R$ 24.941,71 cada. Além disso, outras 4.126 acertaram quatro números e levaram para casa R$ 483,60. Confira os números sorteados na última edição do concurso (1942), realizada no sábado (24): 06 — 18 — 20 — 24 — 43 — 48.

A taxa de devolução de cheques por falta de fundos no país passou de 2,14%, em abril, para 2,15%, em maio último, em relação ao total de documentos compensados no período, segundo o Indicador Serasa Experian de Cheques Sem Fundos. No acumulado dos cinco primeiro meses, o percentual alcançou 2,18%. Foram devolvidos 958.819 cheques por insuficiência de saldo, de um total de 44.575.586 compensados. No último mês de abril, foram registradas 815.503 devoluções de um total de 38.068.259 compensados.

Em nota, os economistas da Serasa Experian disseram que a inadimplência com cheques reflete a atuação de forças antagônicas que se anulam no curto prazo. "Por um lado, há a redução da inflação e dos juros, que favorece o recuo dos índices de inadimplentes, mas, por outro lado, o elevado nível de desemprego no país acaba atuando na direção contrária, pressionando para cima a inadimplência”. Para os economistas, a melhora no quadro só deve ocorrer quando a taxa de desemprego começar a cair.

O prazo para os trabalhadores sacarem o PIS/Pasep termina na próxima sexta-feira (30). O valor do abono varia de R$ 78 a R$ 937, dependendo do tempo que a pessoa trabalhou. Têm direito ao benefício os trabalhadores inscritos no programa há pelo menos cinco anos e que tenham exercido atividade remunerada formalmente por pelo menos por 30 dias em 2015.

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, diz no site do ministério que é preciso ficar atento ao prazo. “O abono salarial é um direito que o trabalhador tem. Esse dinheiro é do trabalhador, portanto, não perca o prazo”, alertou.

Segundo dados do Ministério do Trabalho, até essa segunda-feira (26) cerca de 1,6 milhão de trabalhadores, número que corresponde a 6,65% do total com direito ao abono salarial, ainda não retiraram o benefício. O valor disponível soma R$ 1,1 bilhão.

Para o trabalhador saber se tem direito ao abono, o ministério disponibilizou o telefone 158 e o link http://verificasd.mtb.gov.br/abono/. Basta digitar o número do PIS/Pasep ou do CPF e a data de nascimento.

A Caixa realizou neste sábado (24) o sorteio da Quina de São João, pelo concurso 4.412. As dezenas foram: 06 - 07 - 13 - 14 - 26. Houve 12 apostas vencedoras, e cada uma ganhou R$ 11.622.069,29. O prêmio total foi de R$ 139,4 milhões.

As apostas vencedoras foram feitas em São Paulo (três), Manaus, Brasília, Aparecida de Goiânia (GO), São Luís (MA), Belo Horizonte, Teresina, Marialva (PR), Rio de Janeiro e Passo Fundo (RS).

A Quadra teve 4.311 acertadores, e cada um levou R$ 2.516,56. Outros 236.205 apostadores ganharam no Terno. O prêmio é de R$ 69,06 para cada. Por fim, o Duque paga R$ 1,87 para cada um dos 4.786.382 ganhadores. O sorteio aconteceu às 20h em Campina Grande, na Paraíba.

Comida típica, fogueira, quadrilha e fogos de artifício são alguns dos elementos tradicionais das festas juninas que podem ser encontrados em diversas partes do país. Seja em um grande evento na cidade, uma quermesse no salão da igreja ou um arraiá da família, eles estão comumente presentes nos festejos do mês de junho, que tem raiz histórica nos rituais de celebração das colheitas. A festa milenar, no entanto, foi se transformando ao longo dos anos, mas se manteve como uma manifestação cultural da relação do homem com o campo.

“A festa junina é uma festa enraizada na cultura brasileira, que tem o alimento como um importante elemento de identidade”, aponta a historiadora Eliane Morelli Abrahão, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Ela destaca que muitas das quermesses, por exemplo, não estão mais associadas aos santos católicos, mas, sim, à comida. “É uma festa muito associada ao alimento, que acaba sendo o signo da memória coletiva. As comidas típicas significam essa memória coletiva do nosso povo”, disse a especialista.



O festejo tem maior expressão nas regiões Norte e Nordeste. Professora de tradições populares do Instituto Federal de Educação Tecnológica do Ceará (IFCE), Lourdes Macena aponta que as manifestações culturais assumem características próprias em cada região. “Muitas músicas e escritos falam do quentão, no entanto, a gente não toma essa bebida aqui [no Ceará], toma aluá”, exemplificou. À base de vinho e especiarias, o quentão aquece junho que já antecipa o frio do inverno no Sudeste. O aluá, por sua vez, tem raiz indígena e pode ser feito à base de abacaxi.

Origem

O movimento de saída de viajantes e de compra de passagens no Terminal Rodoviário de Salvador foi intenso durante todo o dia desta quarta-feira (21), e aumentou no final da tarde. A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) atendeu a solicitação feita pelas empresas rodoviárias e disponibilizou 1.600 horários extras.

A previsão do órgão é que 170 mil passageiros deixem a cidade até sábado (24), sendo 80 mil deles apenas entre esta quarta e quinta, 22. A expectativa é que sejam realizadas 540 viagens regulares diárias partindo de Salvador com destino ao interior do estado. De acordo com o coordenador de fiscalização da Agerba, Abdul Novais, o movimento deve intensificar nesta quinta e sexta, 23, pois as pessoas costumam deixar para viajar nas proximidades da festa junina.

Ele acredita que, no domingo, 24, e na segunda, 25, o retorno não deverá ser tão intenso porque muitos pais tiraram férias com os filhos, que entraram no período de recesso escolar desde o início desta semana. “Acredito que o retorno seja diluído até o dia 29, festa de São Pedro”, estimou. ATarde - Foto: Camila Souza/GOVBA (Ilustrativa)

O juiz Ricardo Soares Leite, da 10ª Vara Federal de Brasília, proibiu a empresa JBS de vender subsidiárias na Argentina, no Paraguai e no Uruguai para unidades naqueles países controladas pela Minerva, segunda maior companhia de carne bovina do Brasil. O valor do negócio, que havia sido anunciado no início deste mês, é de US$ 300 milhões, o que no câmbio de hoje (21) equivaleria a cerca de R$ 1 bilhão.

A permissão para a venda havia sido solicitada pelas defesas dos irmãos Joesley e Wesley Batista, donos da JBS. Soares Leite é o juiz responsável pela Operação Bullish, na qual são investigados desvios no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em favor da empresa. O bloqueio de ativos da JBS foi imposto como medida cautelar pelo magistrado.

Na decisão divulgada nesta quarta-feira, o juiz escreveu considerar a venda “prematura”, pois ainda não foram apresentadas provas que respaldem o suposto favorecimento da JBS pelo BNDES, conforme relatado por executivos da empresa em acordo de delação premiada com a Justiça. Soares Leite lembrou também que o referido acordo ainda terá sua validade analisada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Ele acrescentou que a venda pretendida também não foi autorizada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) até o momento.

Em meio às dificuldades de mercado que enfrenta após seus controladores firmarem um acordo de delação premiada com a Justiça, a JBS, que é a maior processadora de carnes do mundo, anunciou ontem (20) um programa de desinvestimento na ordem de R$ 6 bilhões. Segundo o plano, o grupo pretende se desfazer de ativos no Brasil, na Irlanda do Norte e nos Estados Unidos. A venda das subsidiárias na Argentina, no Paraguai e no Uruguai não estavam incluídas no plano divulgado ontem pela JBS. EBC - Foto: Divulgação

O inverno começou oficialmente à 1h24 desta quarta-feira (21) em todo o país no horário de Brasília, derrubando a temperatura, principalmente, nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste por causa da formação de frentes frias vindas da Antártica. No entanto, sem a ocorrência dos fenômenos climáticos El Niño e La Niña, os termômetros devem ficar dentro da média histórica para o período.

Em princípio, não deveremos ter grandes anormalidades em termos médios, até porque não temos episódios de El Niño ou de La Niña", afirmou o coordenador-geral de Operações e Modelagens do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), Marcelo Seluchi.

O inverno também marca a queda dos índices de umidade relativa do ar na região central do Brasil – que engloba o Sudeste, Centro-Oeste, a parte sul da região Norte e áreas do sul e do oeste do Nordeste. Como consequência, aumenta-se o risco de ocorrência de queimadas, especialmente no Cerrado e no sul da Amazônia. No litoral, a preocupação é com a formação de nevoeiros.

Depois de a apresentadora Fátima Bernardes anunciar o rompimento do contrato de garota propaganda da marca Seara, integrante do portfólio da JBS, agora foi a vez do ator Tony Ramos dizer que não estampará mais os filmes da empresa.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, o ator conta que decidiu pelo fim da parceria em razão da "crise institucional" que envolve a empresa dos irmãos Joesley e Wesley Batista. "Não me envergonho da campanha da carne, não me envergonho de ter anunciado uma ótima carne, não me envergonho de ter anunciado carne. Por quê? Se anunciasse perfume seria mais elegante?", questiona o ator.

"Anunciei carne porque a consumo. Agora, frente a uma crise institucional provocada pela própria empresa, eu tenho direitos, inclusive contratuais, de rediscutir o cancelamento. É o que está sendo feito e, formalmente, estamos sem contrato", revelou ele para a rádio. Por meio de sua assessoria de imprensa, a JBS confirmou a saída do ator e agradeceu "a parceria e confiança nos últimos anos". Foto: Reprodução

Abreu
Cafe beira rio