Cidadão do Povo
Mauricio Dias

CIRCUITO PORCINO MAFFEI E TEREZINHA LAPA

PALCO FILARMÔNICA 2 DE JANEIRO

15/10 – DOMINGO

    14:30H ÀS 16:00H – DAIANNE ROCHA
    16:30H ÀS 18:00H – SER DO SAMBA
    18:30H ÀS 20:00H – CAMA DE MOTEL
    20:30H ÀS 22:00H – NETTO CERQUEIRA
    22:30H ÀS 00:00H – VIRADA DE BAKANA
    00:30H ÀS 02:00H – EXPLOSÃO MUSICAL

CIRCUITOS: PORCINO MAFFEI, TEREZINHA LAPA E MANOEL IGNÁCIO

15/10 – DOMINGO

    14:00H ÀS 17:00H – BLOCO DREAMS ELÉTRICO (DJS)
    15:00H ÀS 18:00H – ANDRÉ MANFRINE (BLOCO DA SAUDADE)
    15:30H ÀS 18:30H – BLOCO “OS DIABINHOS”
    16:00H ÀS 19:00H – BLOCO PIRULITO
    17:00H ÀS 20:00H – BLOCO JEGUE ELÉTRICO
    18:00H ÀS 21:00H – RUAN E RALF
    18:30H ÀS 21:30H – BLOCO JACО & BINA (SOM MECЕNICO)
    19:00H ÀS 22:00H – MARCLEIDE MERCÊS
    20:00H ÀS 23:00H – JAMMIL
    21:00H ÀS 00:00H – GABRIELA FREIRE
    22:00H ÀS 01:00H – ALINNE ROSA
    23:30H ÀS 02:30H – A ONDA DO GROOVE
    00:30H ÀS 03:30H – AUGUSTO JACOBINA
    01:00H ÀS 04:00H – BRANKINHO

CIRCUITO AMADO HONORATO

PALCO FILARMÔNICA JUVENIL RIO DO OURO

15/10 – DOMINGO

    14:30H ÀS 16:00H – NOVO AXÉ
    16:30H ÀS 18:00H – EDMUNDO AMÂNCIO
    18:30H ÀS 20:00H – NOVO EMBALLO
    20:30H ÀS 22:00H – GILVAN LOPES
    22:30H ÀS 00:00H – PAREDÃO TROPICAL
    00:30H ÀS 02:00H – XONADINHO PLAY

Fotos: Reprodução/Augusto Urgente

A Segunda noite oficial da Micareta de Jacobina teve muito agito e gente bonita se deleitando com as grandes atrações da festa. Teve ritmos para todos os gostos musicais, passando pelo reggae, axé, pancadão e pop rock maneiro. Mas o mais importante deste evento é a paz reinante durante os dias que se seguem ao maior evento popular da região, reunindo aproximadamente 35 mil pessoas nestes dois dias da apresentações na cidade.

Curta alguns flashs dos melhores momentos da noite deste sábado (14) no circuito das avenidas Lomanto Jr. e Beira Rio, clicados pela lente de Augusto Urgente:

Há três anos esquecida e quase apagada do calendário da cidade, a histórica e famosa Micareta de Jacobina, aquela que deu origem às grandes festas de rua na Bahia, está de volta para alegria do povo.

Derivada da festa francesa, Mi-carême, que significa literalmente "meio da quaresma", a Micareta de Jacobina teve início em 1912. Mas foi no ano de 1935 que culminou com o processo de popularização desta festa, utilizada pelas elites como forma de impor outra maneira de brincar aos demais grupos, com a interiorização da micareta para as cidades de maior porte da Bahia, como Jacobina e Feira de Santana.

A festa deste ano contará com três palcos, distribuídos pela Arena Rock, Arena do Forró e Arena Dancing, além de vários Camarotes, Blocos Carnavalescos e Manifestações Culturais. A Micareta de Jacobina terá sua abertura oficial na sexta-feira (13), às 18h30 com o Cortejo da Cidade e a folia só acaba na manhã da segunda-feira (16).

Fotos: Reprodução/Portal do Alto Alegre/Jacobina Notícias/Val Bahia News

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO OFICIAL:

Após cinco dias de intensa votação popular, finalmente na tarde desta terça-feira (10), a cidade de Jacobina, que já vive o clima da Micareta, conheceu o Rei Momo da maior festa popular da região. Luís Henrique, o popular 'Bizorão' foi escolhido pelo voto direto de internautas. Mais de 35 mil participantes acessaram o link da votação, demonstrando o clima de total entusiasmo dos foliões com a chegada do evento que há três anos seguidos deixou de ser realizado.

Em suas primeiras palavras, o Rei Momo eleito disse: "Vamos celebrar mais uma vez a a Primeira Micareta do Brasil, com muita paz e alegria", falou o entusiasmado 'Bizorão'. Pela programação da Prefeitura, nesta quarta-feira (11), a festa tem início no Calçadão, centro da cidade, com o 'Bailin Infantil', espaço reservado para criançada, além da Filarmônica Juvenil Rio do Ouro que estará se apresentando. Foto: Ascom/PMJ

Na manhã deste domingo (24), teve início o 1° Cicloturismo de Jacobina. Com o tema: "Sinta a Natureza", os participantes contemplarão as belezas naturais da região serrana da turística Cidade do Ouro.



Centenas de ciclistas de várias cidades da Bahia e de outros estados se reuniram no Clube 2 de Janeiro, de onde seguiram pelas ruas e avenidas da cidade, com destino a região da Cachoeira dos Alves. Durante o percurso haverá pontos de hidratação, com artistas se apresentado para os participantes. Augusto Urgente

O Ministério do Turismo divulgou nesta quinta-feira (14) o levantamento completo do Mapa do Turismo Brasileiro e 150 municípios baianos foram citados na lista, resultado que representa um aumento de 28% se comparado às 117 cidades numeradas na última edição, atualizada em 2016.

Em 2017, foram incluídos 52 destinos baianos e outros 19 saíram. As regiões turísticas seguem sendo 13 no total. Em todo o país, foram listados 3.285 municípios em 328 regiões turísticas, o que também significou crescimento em relação ao Mapa de 2016, quando foram registradas 2.175 cidades em 291 regiões.



“O mapa é um instrumento muito importante para gestão, estruturação e promoção dos destinos. Por isso, é importante que ele esteja sempre atualizado, garantindo com que os municípios que queiram trabalhar o turismo como uma atividade econômica, tenham prioridade dentro das políticas e ações do MTur”, afirmou o ministro do turismo, Marx Beltrão.



O município de Jacobina vem melhorando a sua posição no Mapa do Turismo Brasileiro, integrando a categoria C, que inclui aqueles destinos com fluxo de turistas domésticos e internacionais. Jacobina a partir dessa posição no referido Mapa se situa no mesmo patamar da categoria de municípios como Maragogipe, Itaparica, Cachoeira, Santo Amaro, Amargosa, Simões Filho e outros.



De acordo com o novo mapa, 53 municípios da Bahia estão nas categorias A, B e C. Como exemplo, temos destinos como Bom Jesus da Lapa, Ilhéus, Itacaré, Lençóis, Porto Seguro e Salvador. Os demais 97 municípios figuram nas categorias D e E. Esses destinos não possuem fluxo turístico nacional e internacional expressivo, mas alguns possuem papel importante no fluxo turístico regional. Fotos: Reproduções/Internet

Na noite desta quarta-feira (13), ocorreu o lançamento oficial da Micareta de Jacobina, na Mirante Music Hall. O prefeito Luciano e a primeira dama Aline Pinheiro estiveram recebendo empresários, representantes de camarotes, blocos, autoridades e a sociedade civil. Saulo, Aline Rosa, Denny ex-Timbalada, Papazoni e mais 65 atrações locais estarão fazendo a festa nos dias 13, 14 e 15 de outubro. O cantor Denny esteve presente no evento, falando sobre seus 25 anos de carreira na Timbalada.

Estiveram desfilando na escolha para a rainha da Micareta e princesas, jovens representantes de Varanda do Rio, Bob Esponja, Filarmônica 2 de Janeiro, Auora Jacobinense, Pirulito & Cia, Monte Castelo. Ao final, a jovem Vanessa Maia do camarote Varanda do Rio foi eleita Rainha da Micareta de Jacobina. Stéfany Nunes do Bloco Pirulito & Cia foi eleita a 1° princesa e Gabriela Moura do camarote Monte Castelo foi eleita a 2° princesa.

O presidente da comissão da festa Arilson Teixeira esteve apresentando as novidades, dentre elas a implantação de dois palcos, com os nomes Filarmônica 2 de Janeiro e Filarmônica Juvenil Rio do Ouro. Uma arena do rock e a arena dance. O bailin infantil no Calçadão, na abertura da festa para as crianças. A alvorada Jacobinidade com filarmônicas. Bloco da Saudade, com idosos do Centro de Convivência. O bloco da limpeza, com os garis, que também estará desfilando na avenida. Augusto Urgente

A neta mais velha do imperador do Japão, a princesa Mako, de 25 anos, anunciou neste último domingo (3) seu noivado com um plebeu. O matrimônio deverá excluí-la da família imperial, por conta de uma polêmica lei que impede mulheres de casar com homens que não tenham título real.

Mako irá se casar com Kei Komuro, que trabalha em um escritório de advocacia. O casal se conheceu na universidade, e o jovem de 25 anos revelou que pediu a princesa em casamento há mais de três anos.

Mesmo sabendo que teria de abandonar seu status real, Mako revelou estar feliz com a decisão. "Estou muito feliz. Tenho consciência desde a minha infância que teria que abandonar o status real com o casamento", revelou.

Na entrevista coletiva que concedeu ao lado do noivo, ela ainda afirmou que continuará ajudando a família imperial. "Fazendo o meu melhor para ajudar o imperador e cumprindo os meus deveres como membro da família imperial, cuidarei da minha própria vida", disse. O noivado seria anunciado em julho, mas a notícia foi adiada em respeito às vítimas das inundações que atingiram o sudoeste do Japão. É previsto que o casamento ocorra no verão de 2018.

Polêmica na sucessão do trono

O atual imperador do Japão, Akihito, e seus dois filhos se casaram com plebeias, que agora fazem parte da família real. Aos 83 anos e desde 1989 no poder, Akihito anunciou que deixará o cargo por conta da idade avançada. Enquanto isso, uma lei está sendo preparada para que possa abdicar em favor de seu filho, o príncipe Naruhito. R7 - Foto: Reuters

Após ser escolhida como a aluna mais bonita de uma escola do interior do Piauí e posteriormente o concurso ser cancelado, o estudante Anderson da Silva, 17 anos avisa que não vai devolver a faixa. Ele contou que até participaria do desfile de 7 de setembro com a faixa, mas a escolha foi cancelada após comentários da Secretária Municipal de Educação no Facebook.

“A faixa que me deram eu não dou. Se quiserem fazer uma faixa e dar para a segunda colocada e ela pegar o posto pode ficar a vontade. Não fica feio para mim”, disse Anderson da Silva que participou do concurso como mulher e se transformou em Agatha Lorrana. Como drag queen, Agatha foi escolhida a mais bonita da Unidade Escolar José Amável, em Matias Olímpio, cidade a 237 km de Teresina.

Após a escolha, a secretária municipal de educação, Sunamita Pinheiro, fez uma postagem em seu Facebook criticando a escolha da escola José Amável. A secretária Sunamita Pinheiro se defendeu e disse que a postagem não foi preconceituosa.

Anderson lamentou o cancelamento do concurso pela diretora da escola e lembrou que na cidade sempre foi muito respeitado. “Foi cancelado tudo. Nunca tinha passado por alguma coisa assim porque aqui é uma cidade pequena, mesmo algumas vezes havendo preconceito e a agressão com palavras”, comentou reconhecendo que ainda há alguns episódios de homofobia que tem de lidar.

Para o estudante, todo o episódio do cancelamento foi decepcionante. “Eu ia sair no 7 de setembro com a faixa e tudo mais, mas acabou sendo cancelado. Aqui todo mundo tem muito respeito”, destacou o adolescente. Contudo, Anderson da Silva lembrou também que teve muito apoio. “Eu fiquei muito ofendido, mas as pessoas começaram a me apoiar porque fui lá, desfilei, me classifiquei e terminei em primeiro lugar, quando me entregaram a faixa e tudo mais”, afirmou. Fonte: G1 | PI

Na noite deste sábado (15), foi realizada a 14ª Caminhada da Luz em Jacobina. Após a missa proferida pelo pároco João Zacarias, o povo se concentrou em frente a igreja na Praça Castro Alves, onde onde a cantora Lailza Lopes cantou uma canção de louvor sendo acompanhada pelas filarmônicas de Janeiro e Rio do Ouro.



Após a fala do prefeito Luciano Pinheiro e bênção do Padre João Zacarias, a caminhada deu início por volta das 21h, no momento em que começou a cair uma fina chuva, passando pela Rua Senador Pedro Lago, Caixeiro Viajante, cruzando o Rio Itapicuru pela ponte Manoel Novais, seguindo para o Bairro da Serrinha até o topo do monte, a Serra do Cruzeiro.



A Caminhada da Luz em sua 14ª edição que foi realizada pela Prefeitura de Jacobina e Paróquia de Santo Antônio, foi criada pelo Major do Exército Florentino Cardoso de Assunção Sobrinho em 2003. O evento contou com apoio da Guarda Municipal e SMTT (Serviço Municipal de Tráfego e Transportes), que esteve orientando o trânsito em todo o percurso. Fonte: Augusto Urgente

Jacobina, conhecida mundialmente como a cidade do ouro, se destaca como detentora de uma das maiores atrações turísticas do interior da Bahia durante a Semana Santa. Há 14 anos a cidade realiza na semana em que se comemora a ressurreição de Jesus Cristo, a tradicional Caminhada da Luz.

Evento religioso, a Caminhada da Luz, como o nome já diz, reúne milhares  pessoas que após a Santa Missa realizada no início da noite de Sábado de Aleluia, dia 15, da Igreja da Matriz de Santo Antonio, segue em cortejo por algumas ruas da cidade até a escadaria do Cruzeiro, onde os participantes como num ato de penitência, sobem os 365 degraus até o topo da serra portando velas acesas.  que este ano chega à sua 14ª edição.

A Caminhada da Luz de Jacobina teve seu início no ano de 2004, quando era realizada na Quinta-feira Maior, véspera da Sexta-feira da Paixão. A partir de 2011 o evento passou a ser realizado no Sábado de Aleluia. Este ano a Prefeitura Municipal estará entregando durante o evento a Casa das Velas, construída próximo ao Cruzeiro. O Evento é uma realização da Prefeitura Municipal e conta com o apoio da Diocese de Senhor do Bonfim e a Paróquia de Santo Antônio de Jacobina. Foto: Reprodução

Na tarde desta quinta-feira (13), na Rua Senador Pedro Lago, o cantor mirim Felipe Marques concedeu entrevista aos amigos Marcílio Alves e Maurício Dias. Felipe falou sobre a festa de lançamento do seu DVD, que será no próximo domingo (16), no Esmeralda Park.

Na oportunidade, Felipe falou sobre o gosto pela música e contou um pouco do seu dia-dia, desde as atividades escolares a aulas de acordeon e a proteção que tem da família.

A agenda de shows de Felipe inclui festas para crianças e apresentações lúdicas em clubes, sindicatos e associações, sempre sob os cuidados do pai Augusto, que não abre mão de sua educação, dormir cedo e alimentação saudável. Fotos: Reprodução/Augusto Urgente

Jacobina, conhecida mundialmente como a cidade do ouro, se destaca como detentora de uma das maiores atrações turísticas do interior da Bahia durante a Semana Santa. Há 14 anos a cidade realiza na semana em que se comemora a ressurreição de Jesus Cristo, a tradicional Caminhada da Luz.

Evento religioso, a Caminhada da Luz, como o nome já diz, reúne milhares  pessoas que após a Santa Missa realizada no início da noite de Sábado de Aleluia, dia 15, da Igreja da Matriz de Santo Antonio, segue em cortejo por algumas ruas da cidade até a escadaria do Cruzeiro, onde os participantes como num ato de penitência, sobem os 365 degraus até o topo da serra portando velas acesas.  que este ano chega à sua 14ª edição.

A Caminhada da Luz de Jacobina teve seu início no ano de 2004, quando era realizada na Quinta-feira Maior, véspera da Sexta-feira da Paixão. A partir de 2011 o evento passou a ser realizado no Sábado de Aleluia. Este ano a Prefeitura Municipal estará entregando durante o evento a Casa das Velas, construída próximo ao Cruzeiro. O Evento é uma realização da Prefeitura Municipal e conta com o apoio da Diocese de Senhor do Bonfim e a Paróquia de Santo Antônio de Jacobina. Foto: Reprodução

A Rádio Serrana Líder FM da cidade de Jacobina estará recebendo em seus quadros de profissionais, já a partir da próxima segunda-feira (3), o radialista Maurício Dias de Oliveira, que passará a integrar a equipe de jornalismo daquela emissora. Maurício Dias será âncora em dois programas diários: "Na mira da verdade" (das 12h às 14h) e "Bote a boca no trombone", que tem início sempre às 16h, de segunda à sexta-feira.

Completando 35 anos da profissão de radialista no próximo mês de dezembro, Maurício Dias acumula experiência com passagens por todas as emissoras da cidade de Jacobina, além de ter trabalhado em rádios da capital baiana, a exemplo da Rádio Clube de Salvador e Rádio Cultura da Bahia na década de 80, ao lado de profissionais renomados como Mário Freitas, Martinho Lelys de Santana, Zé Bim, José Athayde, Manoel Messias, Ary Pacheco, entre outros.

Tendo sido na vida comerciário, bancário, servidor público, ex-vereador, professor licenciado em História, radialista e atualmente também empresário do ramo de publicidade, Dias se especializou no radiojornalismo, atuando nesse segmento profissional há 25 anos, sempre mantendo seu estilo forte e contundente nas suas apresentações. Sua saída da Rádio Jaraguar foi de forma amigável e consensual e sua chegada à Rádio Serrana FM se dá em função de novos investimentos feitos no jornalismo pelo diretor executivo do grupo Líder de Comunicação, o empresário J. Sidney. Foto: Reprodução/Facebook

Uma das emissoras de rádio com maior audiência no município de Jacobina e em toda a microrregião, a Rádio Jaraguar já está na frequência FM e com alcance ainda maior, chegando em quase todo o estado da Bahia. Basta você sintonizar na frequência 91,7 FM para desfrutar do que há de melhor e mais moderno, com notícias que trazem a credibilidade de uma equipe altamente profissional, experiente e respeitada.

Aliado a isso, o ouvinte ainda tem muita informação sobre a política local e nacional. No esporte, você tem as análises dos cronistas e acompanha transmissões ao vivo, além de muita música para diversos gostos e estilos. A sua voz, a voz do cidadão jacobinense, é sempre destaque na frequência da Rádio Jaraguar de Jacobina. Sintonize 91,7 e fique por dentro de toda a programação da rádio que mais cresce na Bahia. A Jaraguar faz parte do grupo RBR – Rede Baiana de Rádio. JN

A Portela quebrou um jejum de 33 anos e é a grande campeã do carnaval do Rio de 2017. A escola de Madureira desfilou na avenida as lendas dos rios. A Mocidade ficou em segundo lugar. Ficaram em último lugar a Unidos da Tijuca e a Paraíso de Tuiuti, mas a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio (Liesa) decidiu não rebaixar nenhuma escola este ano por causa dos acidentes que ocorreram com os carros das duas escolas no sambódromo.

Desfile

As lendas que vieram com os rios apareceram na avenida: Iara, Boiúna, cobra-grande, boto cor de rosa e deuses deram as caras. Mas o que talvez tenha chamado mais atenção foi algo bem menos mitológico: "crocodilos" que rastejaram em uma das alas.



A escola de Madureira começou falando das nascentes e de como os rios foram dando início a povoados, aldeias e civilizações. O clássico de Paulinho da Viola, "Foi um rio que passou em minha vida", também fez parte do enredo.

A Águia, símbolo da escola, veio logo no começo do desfile. Imponente, ela parecia tomar conta de uma fonte e borrifava água. A escola azul e branca contou com 3400 componentes em 31 alas. O carro abre-alas mostrou a "Fonte da vida", com uma mensagem de preservação das matas em torno das nascentes.

O segundo carro fez uma homenagem ao Rio Nilo, o mais extenso do mundo. Outro famoso rio, o americano Mississipi, foi lembrado em uma ala que botou um pouco de blues no desfile. Mas foi com samba, é claro, que a escola arrancou gritos de "É campeã!" no setor 1 da Sapucaí. globo.com - Foto: Reprodução

A grande campeã do carnaval do Rio de Janeiro deste ano será conhecida nesta quarta-feira (1). A partir das 15h, as notas dos jurados serão lidas na Marquês de Sapucaí. Os quesitos avaliados foram harmonia, samba-enredo, evolução, comissão de frente, fantasias, alegorias e adereços, mestre-sala e porta-bandeira, enredo e bateria.

Neste ano, acidentes na Sapucaí, que deixaram feridos, prejudicaram a evolução dos desfiles e tiraram parte do brilho e da alegria do espetáculo das escolas de samba. Uma estrutura de 3,5 m da parte superior da segunda alegoria da Unidos da Tijuca desabou pouco tempo depois de entrar na avenida e um carro alegórico da Paraíso do Tuiuti que perdeu o controle e feriu ao menos 20 pessoas, na noite de domingo (26). R7 - Foto: Reprodução

Abreu
Cafe beira rio