Cidadão do Povo
Mauricio Dias

Jogando no estado natal, Fred marcou seu sétimo gol na era Felipão

Natural de Teófilo Otoni, interior de Minas, Fred admitiu que a Seleção Brasileira não jogou bem e parabenizou a torcida pela paciência. “Agradecer de coração ao meu povo mineiro que, mesmo com jogo nem tão bom da nossa parte pelas dificuldades, nos incentivou e apoiou. Saio mais orgulhoso ainda porque a torcida fez festa maravilhosa”, falou.

A vitória, inclusive, reforçou a importância da parceira com Neymar. Agora, a dupla participou de 18 dos 26 gols da era Felipão (69,2%). Além dos sete gols e um passe de Fred, são seis gols de Neymar, agora com quatro assistências após bater o escanteio na cabeça de Paulinho.

Por sua vez, o volante, autor do gol decisivo e responsável por começar a jogada do gol de Fred, repartiu o mérito com os companheiros e valorizou a defesa do pênalti pelo goleiro Júlio César, no 1º tempo, quando ainda estava 0x0. “Existia uma rivalidade com a seleção uruguaia. Júlio pegou pênalti em momento muito importante. O mais importante foi a Seleção Brasileira chegar à final”, avaliou.

Fonte: correio24horas.com.br

Cafe beira rio
Abreu