Cidadão do Povo
Mauricio Dias

"Os criminosos quando pretendem roubar instituições financeiras ou estabelecimentos comerciais agem com cautela. Eles não atacam de imediato. Normalmente mandam espiões para verificar se há policiamento no local, e em alguns casos, procuram se informar se existe algum policial que mora por perto", explica o comandante da Cipe/Chapada, major Ricardo Passos. Também reforçou a importância das rondas para inibir e previnir crimes.

O comandante da 29ª CIPM, capitão Nelson Normando de Souza Junior, destacou a importância do apoio das unidades especializadas na prevenção a crimes contra instituições bancárias. "As bases avançadas da Cipe/Chapada, instaladas na cidade de Ipupiara e Novo Horizonte permitem que a 29ª CIPM reforce o policiamento na região. Estamos sempre em constante parceria e união", declarou. Após o flagrante, Igor e todo o material apreendido foram encaminhados a Delegacia de Seabra. Foto: Divulgação/SSP-BA

Cafe beira rio
Abreu