Cidadão do Povo
Mauricio Dias

“Os dados colhidos na INFORMAÇÃO 16/2017 da DPFNDC/BA, corroboram com a referida suspeita, uma vez que Valério Sampaio se intitula como administrador de propriedades agrícolas de Geddel Vieira Lima, e a sua empresa JR Terraplanagens, aparentemente, não possui uma estrutura condizente com um estabelecimento comercial capaz de alugar cerca de quinze máquinas agrícolas, por um período de trinta e seis meses, ao político baiano, tampouco adequada ao volume de dinheiro que supostamente receberia frente a grande quantidade de serviço prestado”. O relatório tem base nos itens encontrados na residência da mãe de Geddel, Marluce Vieira Lima, também denunciada pela PGR. Foto: Reprodução/Valter Campanato/Agência Brasil

Cafe beira rio
Abreu